quarta-feira, março 07, 2012

Voluntariado na Biblioteca

Grazielli e Venina na biblioteca do CVSP
Saiba mais sobre o Centro de Voluntariado de São Paulo (CVSP) e a importância do trabalho voluntário na biblioteca!

Grazielli Moraes e Venina de Delmondes, alunas do 3º semestre noturno da Faculdade de Biblioteconomia e Ciência da Informação (FaBCI), nos conta como e porquê ser um voluntário em uma biblioteca.

Sendo o CVSP – Centro de Voluntariado de São Paulo uma organização sem fins lucrativos, e com o objetivo de promoção e fortalecimento do trabalho voluntario e ainda ser um centro de capacitação para o voluntario, criaram uma Biblioteca Especializada em Voluntariado Social. Após abertura dessa biblioteca, sentiu-se a necessidade de organizar essa biblioteca e assim foi criado o projeto VOLUNTARIADO NA BIBLIOTECA, onde a Bibliotecária Maria Araújo(Organizarte – Empresa Terceirizada em Serviços de Biblioteconomia e Arquivo) deu inicio ao projeto e agregou à Aluna da FESPSP, Grazielli de Moraes para coordenar desde 2011 o projeto, possibilitando assim todo processamento técnico do acervo.

A aluna Grazielli de Moraes além de realizar todos os processos Biblioteconômicos, coordena os voluntariados e ainda dá treinamento aos serviços da Biblioteca.

A aluna Venina de Delmondes também da FABCI 3º ano noturno, participa do voluntariado da Biblioteca do CVSP.

O objetivo do Projeto é organizar o acervo do CVSP e tornar a Biblioteca uma Referência em Biblioteca Especializada em Voluntariado.

         O trabalho voluntário para nós é uma ponte entre teoria e prática, já que nos proporciona aplicar técnicas e teorias aprendidas na FESPSP/FABCI ao acervo, onde se abre um amplo leque de aprendizado, além de, nos proporcionar momentos agradáveis aos sábados em meio à correria do dia a dia.O voluntariado é uma prática que poucos praticam por não saber a grande satisfação é. 

A justificativa de muitos para não praticar o voluntariado é a falta de tempo e remuneração, porém às vezes tirar ao menos uma hora de sua semana para praticar o voluntariado é muito gratificante. E ainda, a maior recompensa desse tipo de ação não é financeira e sim social. Já que aprendemos a valorizar as pequenas recompensas da vida, a partir da vivência entre os integrantes do ambiente, a história de vida de cada um e a relação interpessoal.


Para Grazielli Moraes:
Costumo dizer que o trabalho voluntário é como devolver ao universo aquilo que ele nos proporciona a cada minuto, sou voluntária desde os 15 anos e hoje mesmo dormindo apenas 02h30min (duas horas e meia) por dia ainda uso meu sábado para praticar esse ato maravilhoso, que além de me auxiliar na vivência em Bibliotecas me proporciona momentos únicos capazes de me fazer refletir a todo o momento e ainda ensinar aqueles que compartilham desse momento comigo.

Viso apenas aprender cada vez mais, e poder auxiliar aqueles que precisam de meus serviços (nesse caso biblioteconômico), e claro a maior recompensa que espero e conquisto ao realizar o trabalho voluntário é aprendizado, conhecimento e satisfação pessoal.

Para Venina de Delmondes:

Para mim  trabalho voluntariado é muito satisfatório pois, me possibilita aprender mais e ainda desenvolver o que aprendo na Faculdade na prática. É uma oportunidade de aprendizado, de doação e satisfação pessoal.



Para saber mais, acesse:


Um comentário:

  1. Parabéns pelo trabalho. Sinto-me orgulhosa por ter plantado a semente de amor pelos livros nessa menina maravilhosa que é a Grazielli.
    Francisca Moraes (tia)

    ResponderExcluir