quinta-feira, novembro 22, 2012

O livro da minha vida



Feliz Ano Velho
O depoimento da série “O livro da minha vida" desta semana é de Ana Carolina Abati, aluna do 4º semestre matutino.






 

MC - Que livro você consideraria 'O livro da sua vida'? Por que ele tem/teve essa importância?

Primeiramente, um livro que considero incrível e o indico para todos já foi citado nesta coluna anteriormente, sendo ele “O retrato de Dorian Grey” de Oscar Wilde. Mais como não podemos deixar de dividir outras experiências igualmente positivas, lanço outro também inteligente e muitíssimo conhecido, o “Feliz Ano Velho” de Marcelo Rubens Paiva.
Ana Carolina Abati
Esta obra me marcou e emocionou por tratar-se de um relato autobiográfico que mesmo complexo é escrito com muita naturalidade, no qual acredito que todos os jovens deveriam apreciar. E mesmo não apresentando características de auto-ajuda, ela faz indiretamente com que valorizemos nossas vidas enquanto vida, e constata que um simples gesto determina em muito nossa completa trajetória.  
Estava completando 13 anos quando o encontrei ocasionalmente perdido e sujo entre as prateleiras de um sebo e resolvi levá-lo. Já haviam me recomendado este lindo livro, porém, não fazia dimensão da qualidade do tema e rapidez que o terminaria, afinal foram menos de 24 horas. Para minha felicidade tive a oportunidade de conhecer o autor, que inclusive publicou demais obras tão encantadoras quanto o clássico inúmeras vezes reeditado ao longo de três décadas.

MC - Normalmente, que gênero literário 'sacia seu apetite'?

Amo particularmente obras fictícias, suspenses e dramas. Naturalmente, tenho uma verdadeira fascinação por romances e comédias. Críticas também completam meu dia-a-dia, mais sempre, é claro, independente da categoria, se gostarmos é o que vale!

MC - Cite o nome (e autor) de um livro sugerido na bibliografia do curso que você tenha lido e gostado.

Como, infelizmente são poucos títulos publicados, de todos já lidos e consultados me identifico bastante com “Indexação e Resumos” do tão famoso e disputado Lancaster.

Um comentário: