sexta-feira, abril 26, 2013

Emprestar cds, filmes, livros, pessoas... Pessoas???



"Cada pessoa tem uma história. Cada história merece ser contada."




Sim, emprestar pessoas! Esta é a proposta do projeto Human Library, que começou na Dinamarca em 2003 e já passou por vários países. Juliana Simões França explica como ele funciona e qual o seu propósito:
















Você julga um livro pela capa?

Nos tempos atuais, muito se fala sobre intolerância religiosa, racismo, homofobia e por mais que se discuta,  nem sempre existe um ponto de convergência para aceitação do outro como ele é. Sendo assim, as vivências do outro podem ser fundamentais para ajudá-lo a vislumbrar um mundo mais justo e equilibrado.

Em 2000, o projeto Human Library foi experenciado em uma Biblioteca na Dinamarca e tinha como
Human Library na Turquia
mote o combate contra preconceitos diversos. Após essa primeira oportunidade, outros países como Noruega, Hungria, Suécia e Portugal também foram palcos desta inusitada experiência que incentiva os usuários a enxergarem uma nova perspectiva sobre a vida. 

O 'empréstimo' funciona da seguinte forma: os 'títulos' são diversos, como grego, esquizofrênico, bissexual, árabe, funcionário de ONG, soropositivo, refugiados, anistiados, lésbica, transexual, armênio, curdo e alevita e lhe possibilita ter uma conversa durante 30 a 45 minutos para discutir suas ideias e ideais, extirpar o pensamento estereotipado sobre cada um desses indivíduos.

Os livros são pessoas que estão dispostas a partilhar a sua história, experiência e conhecimento pessoal e responder honestamente às perguntas dos leitores. Nessas ricas oportunidades, o aprendizado pode lhe estimular a criar uma relação de sociabilidade cada vez mais positiva, e a alteridade se instala a partir daí. 

Desde o último semestre, a Human Library está instalada em Istambul (Turquia) e muito tem sido discutido sobre essa prática de troca de experiências e, em sua grande maioria, são resultados positivos. Para conhecer mais sobre o projeto e todo o desenvolvimento desta ideia:


Human Library na Biblioteca de Burlington, em Ontário, no Canadá, em 29 setembro de 2012:












Juliana Simões França é aluna do 2º semestre noturno integra a equipe da Monitoria Científica.

2 comentários:

  1. O SENAC Consolação vai implantar uma biblioteca humana - me chamaram até para ser "livro"!

    ResponderExcluir
  2. Luiza, certamente você oferecerá boas lições de vida! Divulgue aqui quando esse evento acontecer para discutirmos essa iniciativa de emprestar pessoas. Obrigada pela sua mensagem!

    ResponderExcluir