domingo, agosto 10, 2014

Coluna Onde estão os Bibliotecários? por Grazielli Moraes

━ Como já mencionado anteriormente, a coluna Onde estão os Bibliotecários? tem o intuito de reaproximar ex-alunos de novos alunos e da instituição, ver o que tais profissionais estão fazendo pós formação e ser uma porta aberta para a integração de tais profissionais. “Se arrisque, inove, faça com o outro o que deseja que seja feito com você e, acima de tudo, faça com amorosidade, respeito e cidadania! SEJA FELIZ!” (@refazioli).
Esse mês trazemos uma Bibliotecária que além de muito mencionada nas aulas de biblioteconomia da FESP, é dona de carisma, de garra e força de vontade e mostra que a biblioteconomia vai muito além daquele famoso Biblioque??? Regina dos Anjos Fazioli mais conhecida como Regina Fazioli, ou ainda @refazioli, 58 anos, formada pela FESPSP em 1977, criou e trabalha atualmente na Biblioteca Virtual do Governo do Estado de São Paulo (www.bv.sp.gov.br) – serviço de informação eletrônico gratuito, que indica aos usuários o melhor caminho para obtenção de informações públicas e de serviços públicos, entre outros serviços. Este mesmo órgão é responsável pelo recebimento de mensagens eletrônicas enviadas por canais "Fale Conosco" de diversos sites do Governo do Estado de São Paulo - além disso, @refazioli é docente da UNIFAI e da pós-graduação da FESPSP.
“Também atuo na graduação da UNIFAI e pós-graduação da FESP, onde tenho o privilégio de cercar-me por muita fome de conhecimento, pessoas ativas na busca de seus objetivos e que se deixam conduzir pelo “sonho” que sonhei um dia e que estou  concretizando! É extremamente realizador atuar nesta área e conseguir mostrar  novos mundos e “fazeres” ou apenas conduzi-los por caminhos já trilhados, porém com uma nova visão!”.


 @refazioli menciona que a biblioteconomia é de uma área “...inter... multi... e transdisciplinar...” que lhe cativa e que permite um leque de atuação profissional muito amplo, fazendo com que seja possível ao profissional “Vislumbrar olhos brilhando quando... o dado/informação/conhecimento chega a quem dele precisa!”.
Além de permitir trabalhar com pessoas e, atuar em diversas áreas profissionais. Ao ser perguntada sobre o que a FESPSP agregou na vida profissional, @refazioli responde da seguinte maneira:
“Biblio o que? Se ainda hoje escutamos isso, imagine quando iniciei a minha formação em 1974 – imaginou? Foi um desafio quando comecei na FESP a minha vida acadêmica! Lembro-me muito bem do prédio, lá na Rua Carlos Vicari (Pompéia, SP), e as primeiras aulas de filosofia, psicologia e me deixei levar pelos mestres. Vi o descortinar de um mundo novo, da junção do sonho e do exercício dessa utopia, construção passo a passo e, em outras uma busca apressada, característica da juventude. Além das descobertas, o meio acadêmico me propiciou contatos, alguns permanecem até hoje, e conhecer os experts da área, podendo me espelhar em alguns deles. Entre estes, acredito que ela nem saiba, destaco a Profª. Evanda Verri Paulino, que me introduziu na vivência da prática e foi um “marco” em minha formação! Outro legado de minha passagem pela FESP – Graduação e Especialização – foi o que considero o “meu segundo nascimento”, pois me inseriu em um contexto sociocultural, capacitando–me a intervir na realidade que me cerca. Na Especialização isso se tornou mais forte, pois o conhecimento para a vida se fortaleceu, tornando-me capaz de transformar, de produzir, de decidir, de criar e de comunicar meus saberes com mais objetividade”.
 E com ela é possível perceber que a graduação de biblioteconomia é apenas uma porta de entrada para tantas outras áreas do conhecimento, já que além de sua maravilhosa resposta acima citada, ela se especializou em Gerência de Sistemas e Serviços de Informação – FEPSP em 2000, e, Mestrado em Tecnologia – Gestão e Desenvolvimento da Formação Tecnológica – Centro Paula Souza em 2010.
 Nossa! Uma profissional como @refazioli, cheia de fôlego e força de vontade, nos mostra quão importante é a determinação e empenho acima de qualquer coisa. Para os novos ingressantes da profissão vai um recado; para os antigos integrantes um lembrete, deixado por alguém que faz a diferença na área da Biblioteconomia:
 “... faça com gosto e goste do que faz!... Não existe fórmula do “fazer”, pois cada pessoa trilha o seu caminho e o constrói passo a passo, conforme a sua possibilidade e necessidade. Se arrisque, inove, descubra novos caminhos...”.

Colaboração na Matéria: Regina dos Anjos Fazioli

2 comentários:

  1. É sempre um prazer escrever essa coluna do blog, tendo em vista que nos aproxima de excelentes profissionais da biblio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradeço muito a atenção e lembrança na indicação de meu nome, bem como a sua delicadeza e profissionalismo na criação da entrevista e elaboração da coluna. É sempre um grande prazer falar da profissão para pessoas interessadas. Parabéns pelo trabalho!

      Excluir