domingo, setembro 28, 2014

Palestra: A Relação entre Bibliotecas Públicas e Censura no Estado Novo

Essa semana a Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP) foi palco de diversas atividades e na quarta-feira, 24 de setembro, a Biblioteca da FESPSP recebeu a Dra. Bárbara Júlia Menezello Leitão com a palestra “A relação entre Bibliotecas Públicas e Censura no Estado Novo”.

Bárbara contou sua experiência em arquivos, falando a respeito da importância da memória e da história.  Com seu trabalho baseado no conto “Um general na Biblioteca”, de Calvino, a Dra. Discursou sobre como a censura atua nas bibliotecas públicas independente  de regime ou frente política.


A memória é parte essencial de uma nação e sua aniquilação é uma representação de poder em qualquer lugar do mundo. Abraçar sua memória é parte fundamental na evolução de um país, e nesse quesito o Brasil avança de forma lenta em comparação à outros países vizinhas como Argentina, por exemplo.

A censura no Brasil  começa em sua colonização, ele herda um processo censório de Portugal, que permeia a censura no país através da proibição da criação de tipografias, estimulando o tráfico de livros e o acesso a uma parte pequena da população.


Independente de como a censura começa é importante notar que mesmo após a independência do país ela permanece em nossa sociedade, seja através da política, religião, ou então da financeira ou de bens que permeia um modo de deixar sua população “às escuras” através da negação de meios de acesso baseados em pilares financeiros e classe social.

A censura tem como princípios formar e forjar mentes, privando as mesmas de terem a tão comentada liberdade intelectual, a liberdade e oportunidade de avaliar, julgar e formar sua própria opinião a partir de dados verdadeiros, não forjados ou manipulados.

No Brasil muito ainda está sendo descoberto, pacotes estão sendo retirados de caixas esquecidas e aos poucos momentos, obras e registros que foram colocados às escuras são revelados, e com isso, revelam também parte de nossa história e do que somos.


Todas as fotos utilizadas nesse artigo foram retiradas da página oficial da Biblioteca da FESPSP. Curta a página para conferir novidades e eventos!

https://www.facebook.com/BibliotecaFESPSPOficial?fref=photo

Nenhum comentário:

Postar um comentário