domingo, maio 10, 2015

A brinquedoteca e a classificação Aarne-Thompsom

No ano de 2015 há uma particularidade sobre os ingressantes do curso de Biblioteconomia e Ciência da Informação da FaBCI que poucos sabem... muitos deles tem a "biblio" como segunda graduação. Jornalistas, turismólogos, professores, sociólogos, designers e tantos outros que enxergam na Biblioteconomia um canal de expansão e aprimoramento. Mas não devemos esquecer dos nossos queridos técnicos, em especial aos técnicos em biblioteca, que auxiliam o trabalho em unidades de informação.

Uma de nossas alunas, já técnica em biblioteca e colaboradora da Monitoria Científica, Paola Marinho, desenvolveu uma excelente pesquisa de conclusão de curso, quando obteve seu certificado na ETEC Parque da Juventude em 2014.

Sua pesquisa teve como tema central a brinquedoteca, mas sob um olhar um pouco diferente do convencional, pois, ao invés de simples brinquedos, seu TCC aborda o material bibliográfico como instrumento pedagógico de desenvolvimento motor e sociabilização, e para isto há o estudo de caso na brinquedoteca-laboratório do curso de pedagogia da Faculdade Paulista de Pesquisa e Ensino Superior (FAPPES), pensando no tratamento, organização e recuperação da informação, Paola e sua colega de formação técnica Gabriela Carnaes, propõem a utilização do Sistema de Classificação Aarne-Thompsom, criada em 1910  que dispõe-se a realizar a preservação e o estudo de aspectos culturais e folclóricos presentes em contos de fadas de diversas regiões e épocas, levando em conta as características particulares dos gêneros e das histórias em si, o que permite uma classificação especial, este tipo de classificação é amplamente utilizada em países europeus.

O resultado deste riquíssimo trabalho de conclusão de curso de nível técnico foi intitulado "Brinquedo de ler: o processo de organização, tratamento e recuperação da informação do acervo de livros infantis da brinquedoteca universitária da Faculdade Paulista de Pesquisa e Ensino Superior (FAPPES)"

Confira um resumo em vídeo do trabalho.



Nenhum comentário:

Postar um comentário