segunda-feira, março 30, 2015

Programa Escola da Família apresenta o universo da leitura para as comunidades mais carentes

  
Olá, futuros Bibliotecários e Cientistas da Informação!
Sejam todos bem-vindos a mais um ano letivo!
Atrasada?!Eu? Confesso que estou sim, mas só um pouquinho e ainda dá tempo de desejar que 2015 seja repleto de aprendizado e, que todos nós tenhamos muita disposição, foco e controle em mais uma longa jornada de estudos (os semestres passam num piscar de olhos, por isso, muito guaraná na veia galera, rs). Ah! Ânimo também, pois teremos muita informação para absorvermos e tornamos em conhecimento. Portanto, força na peruca e bora cuidar também da saúde, ela é primordial para aguentarmos toda essa correria.

Bem, o motivo de escrever a vocês, queridos, além de desejar bons estudos principalmente aos calouros, quero compartilhar uma notícia que li recentemente no site da Secretaria da Educação, a respeito do tema deste ano do Programa Escola da Família, que particularmente acredito, muito interessa a nós, estudantes de Biblioteconomia.

Como já mencionei a edição deste ano do projeto Programa Escola da Família tem muito a ver conosco, voltados à leitura, os projetos do Programa irão espalhar o gosto pela leitura na comunidade. Atividades como: Contação de histórias, saraus e até mesmo um “Cantinho do livro” e exposições farão parte da edição de 2015.

 Leiam abaixo o comentário de um dos responsáveis pelo Programa Escola da Família 2015 sobre o tema:
[...] Cada escola é responsável por organizar a sua programação. Por isso, a população deve procurar a unidade para saber qual é a agenda de eventos e oficinas. “Ler com prazer é objetivo do projeto. Assim, pessoas da comunidade e alunos poderão visitar histórias, ir a lugares nunca idos, conhecer os mais diferentes personagens, além se aproximar dos principais autores brasileiros e estrangeiros”, explica Wilson de Tarso Araújo, do Centro de Projetos Especiais da Secretaria. [...]

Um pouco sobre o Programa Escola da Família...
Para quem ainda não conhece o Governo do Estado de São Paulo, por meio do Decreto n° 48.781, de 07 de julho de 2004, instituiu o Programa Escola da Família, cujo objetivo é a integração escola-comunidade, por intermédio de diversas atividades desenvolvidas no espaço escolar, sempre aos finais de semana, por educadores: voluntários e estudantes universitários bolsistas.
Como mencionei, o Programa também beneficia os universitários que doam seu tempo livre em algum projeto, além de ganhar em experiência, podem também concorrer a bolsa de estudos de 100%, denominada de Bolsa-universidade. Isso, por causa da parceira do Programa com as Instituições Acadêmicas. As inscrições são abertas periodicamente.
Enfim, vejam caros colegas, mais um espaço em que nós, estudantes de Biblioteconomia, poderemos exercitar os conhecimentos já adquirimos pelo curso e ajudar a incentivar aos demais ao hábito de leitura, não é mesmo?
Era isso. Aos interessados, deixo ao final o link do site para mais informações sobre o Programa.
Até breve!



Para saber mais sobre o projeto consulte o site do Programa Escola da Família.

Esta matéria foi elaborada pela aluna Juliana Gomes Figueiredo, do 3º semestre noturno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário