sexta-feira, outubro 19, 2012

Associação Paulista de Bibliotecários

Aconteceu no CRB 8a região uma reunião sobre a reativação da APB - Associação Paulista de Bibliotecários. Leia e saiba como foi!


Após um convite feito pelo Conselho Regional de Biblioteconomia 8ª região, Valéria Valls, Coordenadora da FaBCI, Rosa Maria Beretta, gestora da Biblioteca e da Secretaria Acadêmica da FESPSP, Juliana e Sérgio Lazzari, alunos da FaBCI, além de várias alunas da pós-graduação da instituição participaram da reunião para discutir a reativação da APB - Associação Paulista de Bibliotecários.


Leia o relato de Juliana Costa Oliveira:

A Associação Paulista de Bibliotecários designada pela sigla APB, foi fundada em 30 de setembro de 1938 e ao longo dos anos teve vários presidentes, inclusive o Rubens Borba de Moraes, que faz parte da história da FESPSP.
No dia 16.10.12, um grupo de bibliotecários, estudantes e profissionais de empresas renomadas se reuniram com o objetivo de questionar a grande problemática que vive o bibliotecário paulista – Somos 4.700 bibliotecários convivendo sem nenhuma Associação, que motive, brigue por questões referente a nossa área (BIBLIOTECONOMIA). A APB está inativa e isso é uma grande vergonha para o bibliotecário de São Paulo.
Discutimos assuntos pertinentes e tentamos solucionar esse problema, debatendo – Qual à configuração profissional do bibliotecário no séc. 21 e que tipo de Associação estará inserida; A comunidade bibliotecária deseja uma Associação; Que Associação queremos ou podemos ter; e como obter os recursos para sua criação e operacionalização. Participaram da reunião mais de 50 bibliotecários, o que demonstrou claramente que o assunto merece debate!
A discussão ficou em aberto devido a decadência da APB e ao acumulo de questões que terão que ser analisadas para sua reabertura. Ficou estabelecido um novo encontro  para decidirmos se continuamos com APB e seus problemas ou pensarmos numa nova Associação – Quem sabe uma ABESP - Associação dos Bibliotecários do Estado de São Paulo.

Um comentário: