quarta-feira, abril 04, 2018

MC Traduções: As bibliotecas são um espaço importante para reunir pessoas de todos os tipos. Por Marina Chagas.

 
A tradução dessa semana é de um texto compartilhado pela IFLA, que nos lembra que as bibliotecas são muito mais do que seus acervos.
As bibliotecas são um espaço importante para reunir pessoas
de todos os tipos
Em uma era caracterizada pela digitalização e globalização, as bibliotecas são tudo menos ultrapassadas - elas fornecem um espaço vital onde as pessoas podem encontrar outras pessoas diferentes de si mesmas.


22 de março de 2018

Tradução por: Marina Chagas.


(Henrik Jochumsen. Foto de Simon Klein-Knudsen)


Informação, refinamento e capacitação. Esses três conceitos parecem pertencer aos livros de história, mas são na verdade a base para as bibliotecas - tanto como eram quando começaram como hoje, de acordo com Henrik Jochumsen, professor associado do Departamento de Estudos da Informação da Universidade de Copenhague. Ele estudou desenvolvimento de bibliotecas por mais de 20 anos.


"Os três conceitos formam toda a base das bibliotecas, e também são um pré-requisito importante para a democracia e nosso acesso ao conhecimento. Na verdade, esse papel não está longe do que as bibliotecas realmente fazem hoje. Mas, é claro, acontece de formas muito diferente do que antes”, explica Henrik Jochumsen.
Ele diz que as bibliotecas atualmente desempenham um papel importante no fornecimento às comunidades de um tipo de espaço compartilhado que se relacionam dois movimentos cruciais da sociedade atual: digitalização e globalização.

“Eu acho que a necessidade de estar entre as pessoas em um espaço físico concreto foi fortalecida como resultado da digitalização de nossa sociedade. E a biblioteca é um dos únicos locais não comerciais da comunidade, onde você pode simplesmente vir e passar algum tempo”, diz Henrik Jochumsen.

De acordo com ele, um bom indicador de que a biblioteca ganhou importância como espaço físico pode ser encontrado nas estatísticas das bibliotecas. Embora as taxas de juros estejam em declínio há vários anos, o número de visitantes avançou na direção oposta - eles aumentaram. 
“Acredito que o aumento do número de visitantes deve ser visto como um contrapeso ao risco de isolamento que também acompanha a digitalização. Você pode acabar muito sozinho quando trabalha em casa usando um computador, e hoje há também uma grande necessidade de passar tempo com outras pessoas”, diz ele.
Você encontra todos os tipos de pessoas em uma biblioteca

“A biblioteca é um espaço onde podemos encontrar pessoas diferentes de nós mesmos - e isso é crucial em relação à globalização”, diz Henrik Jochumsen.

“As bibliotecas abrangem um alto grau de diversidade e, em nossa sociedade, elas são um dos poucos lugares em que podemos encontrar pessoas diferentes de nós mesmos. Quando vamos para o trabalho ou passamos um tempo com nossa família e amigos, é comum que sejam pessoas bastante parecidas conosco - etnicamente, educacionalmente e culturalmente ”, ressalta. 
Embora as bibliotecas tenham muitas funções diferentes - e frequentemente importantes - nas comunidades locais, ele identifica as oportunidades de conhecer pessoas de todos os tipos como particularmente importante. 

“Eu acho que o fato de gastar tempo em bibliotecas envolver o encontro de pessoas diferentes com origens diferentes das suas, é muito importante em sociedades onde a coesão está sob pressão devido a forças que incluem disparidades crescentes de renda e alto grau de diferenças étnicas e culturais que acompanham a imigração. Isso não significa necessariamente que essas pessoas realmente conversem umas com as outras na biblioteca - mas o simples fato de estarem no mesmo espaço juntas é muito importante ”.
E há motivos para enfatizar e proteger esse papel único, ele acredita. 
“Atualmente, grande parte do material em bibliotecas também está disponível em formatos digitais. No momento em que o papel e o significado das bibliotecas não são mais tão óbvios quanto antes, é uma boa idéia destacar e explicar exatamente por que e como nossas bibliotecas públicas ainda são importantes. E é aí que entra um prêmio como a Biblioteca Pública do Ano (Public Library of the Year Award)”, declara ele.

A IFLA também acredita que este prêmio desempenha um papel fundamental ao enfatizar o significado geral das bibliotecas públicas

A Biblioteca Pública do Ano é um prêmio anual de biblioteca internacional apresentado à melhor biblioteca pública do mundo pela Federação Internacional de Associações de Bibliotecas (IFLA) em colaboração com a Systematic, que patrocina o prêmio de US$ 5.000.

“As bibliotecas são um investimento para garantir o desenvolvimento em nossa sociedade. Gostaria de parabenizar a IFLA e a Systematic por seu papel no prêmio da Biblioteca Pública do Ano, que sem dúvida refletirá e destacará o grande trabalho que as bibliotecas públicas fazem em todo o mundo”, diz a presidente da IFLA, Glòria Pérez-Salmerón, cuja opinião é apoiada pelo seu colega.

“O Prêmio de Biblioteca Pública do Ano apresenta belos, inovadores e práticos novos edifícios que nos ilustram e inspiram em tudo o que é possível alcançar. Este prestigiado prêmio homenageia as melhores novas bibliotecas públicas”, disse Mackenzie.

15 de maio é o prazo final para candidaturas a serem consideradas para o Prêmio de Biblioteca Pública do Ano de 2018, que será anunciado e apresentado na Reunião Anual da IFLA no final de agosto.


Nenhum comentário:

Postar um comentário